Futuro do laser em medicina

Dr. Paulo Guimarães – Goiânia – GO

 

Nestes anos de aplicação em medicina a indústria de tecnologia vem se adequando as necessidades cada vez maior dos profissionais desta modalidade de medicina. Fototerapia, fotomedicina. Para reduzir os efeitos teciduais produzindo modos ultrapulsátil a indústria já está trabalhando com fentoseconds obtendo efeito semelhantes aos ultravioletas e raio x em laser de baixa potência convergindo sua aplicação em radiocirurgia. Outro efeito par ser associado ao laser, a tecnologia desenvolve alternativas de resfriamentos simultâneos a aplicação dos laser sobre tecidos alvos.

Já se estuda a introdução de drogas a partir do melhor conhecimento da interação tecidual do laser, onde a partir desta intima introdução possa alterar genes sem causar dano celular. É possível que o laser sejam utilizados para mover células e organelas sem toca-las. Com o desenvolvimento dos laser de diodo (semicondutores) os custos declinarão e a portabilidade e a redução de tamanho, que se imagina que serão eles cada vez menores, mais eficazes e possivelmente descartáveis.

A robótica vem sendo introduzida em medicina com aumento da precisão e da velocidade. Os sistemas orientarão o feixe, a fluência adequada, feedback tecidual pôr imagens digitalizadas guiando os lasers de forma segura. Os fotossensibilizadores desenvolvidos ascendem na atualidade par ampliar sua aplicação em oncologia, algumas serão aprovados no primeiro trimestre do ano 2000 nos EUA.

Estas drogas absorvidas seletivamente pôr células do câncer podem ser identificadas pelos lasers conduzindo sua interação (cromóforos exógenos) os diagnósticos pôr imagem utilizando os laser através dos (cromofluoforos) poderiam obter dados celulares somente possíveis pôr exame histológico. Algumas aplicações hoje como” laser optical coherence tomography e laser confocal microscopy já utilizado em alguns países oferecendo diagnósticos menos invasivos e com maior acurácia. Se estuda cromóforos para patologias não oncológicas como a endometriose, células contaminadas pelo HPV etc.

O futuro se escreve no sonho, na imaginação, na esperança e na imprevisibilidade. Em medicina o que vivenciamos hoje, na maioria das ideias profetizadas no passado, muitas delas nem sonhavam com a realidade concreta dos tomógrafos, ressonância magnética, codificação genética, endoscopias, marcadores tumorais e lasers. Assim imaginar o futuro no campo dos lasers é um pequeno sonho de realidades inimagináveis.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Currículo